31 de dezembro de 2008

Feliz 2009!!

Para todos os que por aqui passam, um EXCELENTE 2009...
sem quotas!!

Ah, e não se esqueçam de passar na Padaria e votar na minha fotonovela!

É que eu quero ganhar um cacete, ou um brioche, ou lá o que é!!

Pleeeeeeease!



29 de dezembro de 2008

O nosso presidente falou ao país, em directo.
Não me dei ao trabalho de estar atenta, pois o assunto não me interessava (nem a mim, nem a 99,99% dos portugueses, ou mais...)
E até acho que ele tem todo o direito de vir à televisão fazer as suas queixinhas.
Afinal, na televisão dão voz a tanta gente que não tem nada de importante para dizer!! E este senhor, ao menos, é o presidente da república!

O que me chateia mesmo é que este senhor não tenha tido nada a dizer ao país acerca de, por exemplo, esta história do apoio do governo aos banqueiros bancos ou também não tenha nada a dizer acerca do problema dos professores.

Por mais que me esforce, não entendo estas prioridades!

26 de dezembro de 2008

Festa, outra festa e ainda mais festa!!

Ainda não refeita das festas de Natal (duas! a Consoada e o dia de Natal propriamente dito) todas com imensa comida e ainda mais sobremesas e bebidas, eis que estou a poucas horas da partida para mais outra!
Desta vez, uma festa de casamento!
Corro o risco de chegar ao fim destes dias a rebolar em vez de caminhar!

Quando acabarem as festanças eu apareço a contar novidades!
(se couber na porta!)

24 de dezembro de 2008

FELIZ NATAL

a todos quantos por aqui passam.

Que tenham uma noite muito feliz e uma mesa farta!

farta de saúde, alegria e amigos.

E já agora, também farta de rabanadas, sonhos, azevias, bilharacos, leite-creme, filhoses...

22 de dezembro de 2008

Porque é que ninguém me avisou que este ano o Natal era mais cedo??

Ai não é?
É exactamente no mesmo dia dos outros anos?
Eu nõ acredito!
Porque hoje, segunda-feira a pouco mais de 48 horas da "festa" eu ainda não comprei as prendas mais importantes, ainda não enviei nem um postal de Boas Festas - nem sequer por mail, ainda nem comecei a ver as louças e essas tralhas (e vou ter a casa cheia de gente), ainda não fiz nem uma sobremesa - e está ali uma abóbora gigante para descascar (mas essa tarefa não será minha!!).

Por outro lado, tenho ainda as avaliações dos meus alunos para fazer (e mais uma série de burocracias que têm de ser feitas nesta altura, mas não vou pôr aqui a enorme lista porque para muitas pessoas os professores já estão "de férias"), e ainda vou ter amanhã uma reunião de pais.

Um sufoco!
Posto isto, deixo aqui os meus votos de Boas Festas a todos os que por aqui passem, já que tempo para fazer visistas individuais não vai haver.

19 de dezembro de 2008

Boas festas!

Recebi este postal de Boas Festas da "Lisboa Editora"
É caso para dizer "quando é que esta gente (=ministério da educação) entende?
Afinal há mais de 400 anos se sabe esta verdade tão simples!

18 de dezembro de 2008

De dispensa em dispensa... enche a galinha o papo?

A nossa querida e inefável ministra continua na saga do simplex e das dispensas.
Por agora serão dispensados de avaliação os professores que estejam a 3 ou menos anos da reforma e também os professores contratados dos cursos profissionais.

A seguir, aposto que serão os que tenham olhos azuis e cabelos loiros.
Cá por mim, vou ficar à espera da minha vez, ou seja, quando ela resolver dispensar professores com nick de heroína de fábula!

17 de dezembro de 2008

Já sou uma docentezeca!!

Já chegou o livro que veio alegar estes dias de trabalho!
Já o li uma vez, mas não vou ficar por aqui.
Como tristezas não pagam dívidas, se querem divertir-se um pouco à custa desta salganhada em que se tornou a educação nos últimos 3 anos, é só encomendar, AQUI.
E divirtam-se!

(atolada em trabalho, não há tempo para escritas nem para visitas...)



14 de dezembro de 2008

Uma fotografia por domingo (72)

Como devem saber (não sabem o que estão a perder se não souberem!!) mantenho, além deste blog, um outro de culinária (só de doces, como convém a uma gulosa assumida).
Nele publico só as receitas experimentadas com as respectivas fotografias.
Esta que publico hoje foi confeccionada no âmbito de um "Intercâmbio Culinário" e é uma receita tipicamente brasileira. Neste intercâmbio, juntam-se duas sócias (uma portuguesa e uma brasileira) que trocam receitas típicas do seu país.

Observem a foto, salivem muito e, se quiserem provar esta delícia, dirijam-se à Bruxinha do Lar onde podem ver a receita (só ver, infelizmente não dá para provar).


Ambrosia

(clicar para ver ainda melhor!)

11 de dezembro de 2008

Quando penso que a minha capacidade de indignação se esgotou,

que não há mais nada que me abale, acontece sempre alguma coisa que me mostra como afinal o limite ainda não era ali!

Hoje, o ME publica, na sua página oficial, um artigo chamado "10 mitos sobre a avaliação de desempenho docente".
Assim.. na página do ministério que acredito que as pessoas comuns habitualmente não lêem, portanto é dirigida aos atrasados mentais dos professorzecos...

Lá, explicam a esta cambada de burros que afinal a avaliação não é nada complicada, é tudo simplex!
Mas o que me fez arrepiar e dizer dois ou três palavrões, foi o "mito n.º 4" que reza assim:

«Mito 4 - Os professores têm que organizar um portefólio exaustivo e complexo.

Não. A escola apenas deverá requerer que o professor reúna elementos decorrentes do exercício da sua profissão que não constem dos registos e dos sistemas de informação da escola e que sejam relevantes para a avaliação do seu desempenho. Aliás, no modelo de avaliação anterior, todos os professores já tinham de organizar um portefólio para poderem ser avaliados, constituindo este (juntamente com o relatório crítico de auto-avaliação) o único instrumento de avaliação.»


Modelo de avaliação anterior?????????????????????????????
Mas afinal os professores eram avaliados?? A sério?? Juram?? E eu que pensava que não!! A propósito: não se esqueçam de avisar o primeiro-ministro, pois ele também não sabe!!

-------------------------------

A esta hora, acabada de chegar a casa, ainda nada sei do que se passou ou está a passar na reunião com a ministra...
Mas faço votos para que os sindicatos não cedam nem um milímetro a esta cambada de malfeitores que dão pelo nome de "governo"!!

10 de dezembro de 2008

E se fossem cavar batatas??

Estava eu de boca aberta por achar espantoso que ninguém soubesse quem foram afinal os deputados faltistas - afinal bastava ir ver o "livro de ponto", não é??

Afinal, parece que não é assim tão simples (e agora de boca escancarda!) porque os senhores deputados, mesmo os que faltaram, assinaram o livro de ponto!!!

Mais uma vez, o Antero consegue brincar com a situação.
Ah, e o livro dele está à venda!!

8 de dezembro de 2008

Ben Hur

Tinha eu 10 ou 11 anos quando vi este filme pela primeira vez.
Fui com a mãe da Clara ao cinema lá da terrinha, onde as cadeiras eram de madeira, iguais às da minha cozinha.
Lembro-me que fiquei impressionadíssima com o filme, chorei baba e ranho, e durante muito tempo algumas cenas não me saíam da cabeça.

Hoje revi-o.
Não me sentei só a ver televisão, estava a fazer outras coisas (trsabalhos para a escola, vejam lá!!) e ia pondo o olho.
Apesar dos anos que passaram, e das milhentas vezes que este filme já repetiu na televisão, continua a ser impressionante!!
Ainda hoje lá estava eu a torcer para que a telha não se soltasse daquele telhado, para que não acontecesse mal nenhum àquela gente!

E continuam a ser impressionantes aquelas cenas dos remadores na galera romana, a corrida das quadrigas, as masmorras, os leprosos...
Não consigo deixar de me lembrar que, apesar de estar a ver ficção, aquelas situações existiam e com certeza eram ainda mais horrendas!

Já não se fazem filmes assim!

7 de dezembro de 2008

Uma fotografia por domingo (71)

Um pormenor da minha árvore de Natal, feita hoje.

(O enfeite vermelhinho, no canto superior direito, vai durar aqui pouco tempo, porque é de chocolate...
De qualquer maneira, também está ali a destoar, não é?? Aquela cor não me parece que fique ali bem...)

6 de dezembro de 2008

O que é que o Pai Natal lhe vai trazer este ano?

Confiram como eu sou boazinha!!
Os que vêm para aqui chamar-me refilona e outros mimos, façam o favor de engolir o que dizem!!
Uma autêntica Madre Teresa, é o resultado do teste...
(mais mais alta e mais gira!!!)

4 de dezembro de 2008

Moral da história:

Nunca mais prometo nadinha!

Tinha prometido que não falava mais dele, dele, dele, dele, dele ou dele mas esta imagem que recebi é irresistível e tenho de a partilhar!!

Tenho um Magalhães destes no meu sótão, vou levá-lo para mostrar aos meus alunos!

3 de dezembro de 2008

E para finalizar o dia de greve...

...transcrevo para aqui um comentário.
A escola a que este comentário se refere é uma escola grande, com mais de 1000 alunos*, e, tanto quanto sei, onde não é costume haver este nível de adesão, nem nada que se pareça!

«Na minha escola a adesão foi de 99,5% de manhã e 100% de tarde...
Não consigo comprender como o sr. Valter Lemos diz que os objectivos da greve foram "não cumpridos, porque a maioria das escolas tem as portas abertas..."

Claro que as portas são abertas pelos funcionários, e assim se mantêm para que os alunos que forem à escola lá encontrem o acolhimnto de que sempre dispõem!!!
Não consigo compreender como um serviço que se diz MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO nega os mais elementares princípios necessários para que a educação tenha credibilidade, manipulando a opinião pública, os pais, os alunos e todo o país contra aqueles que lutam para defender verdadeiramente a escola pública, que deveria ser um direito basilar!!!
Mas a escola (com todo o leque de oportunidads, de formação, de apoio, de enriquecimento, de espaço de crescimento e de liberdade de pensamento) está a ser destruída por eles...
Enquanto os seus defensores são acusados... de corporativismo, de estarem centrados em interesses pessoais ou em lutas políticas!!! E nem sequer têm direito de antena para poderem explicar aquilo que, realmente, se passa! É inaceitável o que se passa neste país!
Quando as pessoas acordarem, será demasiado tarde...»


Graça

rectificação: são 2209 alunos!!

Greve

Em dia de greve, com a maioria das escolas do país de facto fechadas, o secretário de estado Pedreira (cadê o resto da quadrilha?) diz que "maioria das escolas estão abertas"!!!
(é capaz de ter razão, a minha deve estar aberta, já que a funcionária não fez greve e há-de lá estar!)

Também me faz impressão ouvir nas diversas notícias vários erros, como por exemplo "os professores não querem a avaliação".
Não é bem assim!
Os professores não querem ESTE modelo de avaliação.
Os professores NÃO QUEREM ser divididos em 2 categorias, uma divisão completamente arbitrária que põe uns a mandar noutros sem qualquer critério.

Emquanto este estúpido estatuto não for revogado, podem dar as voltas que quiserem que não há avaliação aceitável.
Por quanto tempo ainda vamos ter de aturar uma ministra autista que não vê, não ouve e só repete sempre a mesma coisa?? (ou, como ultimamente, manda repetir!)

«Temos um professor que há 12 anos não faltava e hoje faltou» diz uma aluna de um Liceu.




Ontem na minha escola houve uma reunião geral de pais.
Estavam praticamente todos presentes (à excepção dos ciganos que a esses o patrão não deve ter dado dispensa para poderem ir à reunião).
Como os nossos alunos são pequeninos e dependentes dos adultoa para se deslocarem para a escola, achámos por bem avisá-los da greve.
Apesar dos transtornos que sabemos que esta situação causa a muitos pais e mães, não houve um único que se tenha manifestado contra a greve!
Aliás, alguns dos que falaram do assunto foi para nos apoiar!!

2 de dezembro de 2008

BOAS FESTAS!

Se ainda não compraram postais de Natal e se acham que não há e-postal por mais "estreluzente" que seja que chegue aos pés do bom e velhinho postal de natal que chega pelo correio, então deixo-vos esta sugestão:



Lá donde este veio há mais alguns, todos igualmente bonitos.
O seu autor é o José Abrantes, que é também o autor da "minha" fada de que muito me orgulho.

No seu site podem ver o resto da colecção de postais e também encomendá-los.

1 de dezembro de 2008

O cúmulo da falta de gulodice...

... é enfeitar a árvore de Natal com enfeites de chocolate do ano anterior!!

Já os meus, se forem de chocolate, nem sequer chegam ao fim do período natalício!
A minha árvore chega aos Reis já meia despida de enfeites!!