4 de outubro de 2012

A galinha dos ovos de ouro

Quando se conta esta fábula às crianças, elas todas reconhecem que o agricultor fez muito mal ao matar a galinha: "a galinha morta não faz mais ovos", constatou uma menina de 5 anos...

Com um QI inferior a uma crinaça de 5 anos, temos o nosso governo.

Os muito pobres (que crescem a olhos vistos) não têm mais por onde sentir os efeitos da crise: já nada têm. Os muito ricos também não a sentem, porque não são esses que a pagam.
Resta quem?
A classe média, que continua a ser o "bobo" desta corte: rouba-se tira-se sempre mais aos mesmos!

A galinha está moribunda, à espera da estocada final.

2 comentários:

pé-de-cereja disse...

Ai minha querida Saltapocinhas, a gente já nem sabe o que há-de pensar... Quando se ouve aqueles senhores falarem em economicês de uma forma paternalista como se aquilo que parece óbvio para a lógica comum fosse um completo disparate, porque ELES É QUE SABEM, e o resto das pessoas são uns patetas, só me apetece matá-los!!!! E perceber-se que quem manda não são os governos que o povo mal ou bem elegeu, mas grupos económicos poderosíssimos que nem estão claramente identificados! o que são essas "agências de rating» e quem lhe deu tal poder?... é o poder na sombra, o oposto à democracia.

aflores disse...

Estamos todos a ficar de pernas para o ar :o)


Tudo de bom.