25 de junho de 2009

Dias de neura...

Devia sentir-me aliviada e mais descansada, mas estes dias de fim de ano lectivo deixam-me sempre assimmeia neura...
Devem ser resquícios do tempo em que eu, nesta altura, me despedia dos alunos até nunca mais e ficava na expectativa de saber para onde iria no ano seguinte. Só que esse tempo, felizmente para mim, já passou.

E, no entanto...
Uma sala de aula vazia de alunos seria o que eu fotografava se alguém me mandasse fotografar a solidão ou a tristeza.

5 comentários:

Lucinda disse...

EH! Mas que é isso? Essa neura cheira-me a Setembro. Tem calma, não demora muito é Outono e tu estás de volta, com tudo.

Emiele disse...

Mas eu entendo, Lucinda.
Afinal é o ciclo da vida. Como as ondas do mar, vêm e vão e a beleza é isso mesmo, esse movimento.

Ainda ontem dei por mim quando estava a consolar o meu filho que estava numa fase também de neura (com bastante justificação) de repente a dizer-lhe «Mas se estás triste, é um direito! Não temos de andar sempre contentinhos, temos «o direito à tristeza». É por haver fases assim que depois sabe bem quando chega a alegria, pelo contraste»
E eu creio que muito antes do Outono já andas contente a gozar as tuas férias.

Shakti disse...

Eu também fico como tu ...

Bj

ameixa seca disse...

Isso é porque és uma professora à séria :)

Saltapocinhas disse...

Lucinda: a minha neura é agora, a tua é que é em setembro!!

Ainda fico alegre nos próximos dias, emiele!

pois, shakti, tu compreendes-me!

obrigada, ameixa! Eu esforço-me por isso!