6 de fevereiro de 2005

Professor brasileiro (também) sofre!

Recebi por mail estas respostas de alunos brasileiros em testes...
O que está entre parênteses são os comentários dos (pobres) professores, mas com muito sentido de humor!

"O sero mano tem uma missão...."
(A minha, por exemplo, é ter que ler isso!)

"O Euninho já provocou secas e enchentes calamitosas..."
(Levei uns minutos para identificar El Niño...)

"O problema ainda é maior se tratando da camada Diozanio!"
(Eu não sabia que a camada tinha esse nome bonito)

"Enquanto isso os Zoutros... tudo baixo nive..."
(Seja você mesmo!)

"A situação tende a piorar: os madeireiros da Amazônia destroem a Mata Atlântica da região".
(E, além de tudo, viajam prá caramba, heim?)

"O que é de interêsse coletivo de todos nem sempre interessa a ninguém individualmente".
(Entendeu?)

"Não preserve apenas o meio ambiente e sim todo ele".
(Faz sentido)

"O grande problema do Rio Amazonas é a pesca dos peixes."
(Achei que fosse a pesca dos pássaros.)

"É um problema de muita gravidez."
(Com certeza... se seu pai usasse camisinha, não leríamos isso!)

"A AIDS é transmitida pelo mosquito AIDES EGIPSIO."
(Sem comentário)

"Já está muito de difícel de achar os pandas na Amazônia."
(Que pena. Também ursos e elefantes sumiram de lá.)

"A natureza brasileira tem 500 anos e já está quase se acabando".
(Foi trazida nas caravelas, certo?)

"O cerumano no mesmo tempo que constrói, também destrói, pois nós temos que nos unir para realizarmos parcerias juntos".
(Não conte comigo)

"Na verdade, nem todo desmatamento é tão ruim. Por exemplo, o do Aeds Egipte seria um bom beneficácio para o Brasil".
(Vamos trocar as fumaças pelas moto-serras.)

"Vamos mostrar que somos semelhantemente iguais uns aos outros".
(Com algumas diferenças básicas.)

".... menos desmatamentos , mais florestas arborizadas."
(Concordo! De florestas não arborizadas, basta o Saara!)

"... provocando assim a desolamento de grandes expecies raras".
(Vocês não sabiam que os animais também tem depressão?)

"Nesta terra ensi plantando tudo dá".
(Isto deve ser o português arcaico que Caminha escrevia...)

"Isso tudo é devido ao raios ultra-violentos que recebemos todo dia".
(Meu Deus... Haja pára-raio!)

"Tudo isso colaborou com a estinção do micro-leão dourado"
(Quem teria sido o fabricante? Compac? Apple? IBM?)

"Imaginem a bandeira do Brasil. O azul representa o céu, o verde representa as matas, e o amarelo o ouro. O ouro foi roubado e as matas estão quase se indo. No dia em que roubarem nosso céu, ficaremos sem bandeira".
(Ainda bem que temos aquela faixinha onde está escrito "Ordem e Progresso".)

"Ultimamente não se fala em outro assunto anonser sobre o araras azuls que ficam sob voando as matas".
(Talvez por terem complexo de urubus!)

"... são formados pelas bacias esfereográficas".
(Imaginem as bacias da BIC)

"Eu concordo em gênero e número igual".
(Eu discordo)
...............................................
Ahahahahah!!
ADOREI especialmente aquela do meio ambiente! O rapaz (ou rapariga) merecia um 20 pela perspicácia!!
E com razão: toda a gente se preocupa com MEIO ambiente...
E então o outro meio? Hã? Hã?

10 comentários:

MWoman disse...

Hahahahahaha....Uma delícia!!!

lique disse...

Ahahahahahaha!!! Que coisa deliciosa! Chato é haver mesmo tanta ignorância lá e cá! Beijinhos e bom Carnaval.

Anónimo disse...

Já me fartei de rir :))) Os raios ultra-violentos devem ser muito chatos, eheheh! Beijo grande :) Carla.

mfc disse...

Ri-me a bom rir.
Estão muito bem apanhadas.

Rosarinho, a menina do caixa disse...

Ai adorei adorei! até fiquei com vontade de responder a estas dúvidas todas!

Anónimo disse...

Queres juntar à colecção uma experiência de uma professora portuguesa (de Português)?
Era numa aula de 9º ano. Falava-se, há mais de meia hora, em Eça de Queirós, para introdução ao conto "O Tesouro". Em jeito de contextualização, várias foram as referências biobibliográficas ao nosso grande Eça.
Às tantas, uma menina "atenta" levanta o braço no meio da sala e questiona:
- Stora, em que século é que ela viveu?
- Ela? Ela quem? - pergunta a professora sem perceber.
- Então!?... A Elsa Queirós...

Anónimo disse...

:):) como ainda estamos no carnaval ninguém leva a mal. aflores/ailaife blog

Anónimo disse...

Tem tanta piada que não resisti e "roubei-lhe" as citações e disponibilizei-as no meu blogue, com referência ao Fábulas. Aproveito para lhe dar os parabens pelo Fábulas, um blogue que visito com alguma regularidade há certo tempo. Octávio Lima (ondas.blogs.sapo.pt)

Anónimo disse...

Não sou professora, mas sou mãe de aluno, e descobri o quanto é horrivel ser professor, alias é uma história de terror.

Anónimo disse...

Me fartei de rir, galera!!! Sou professora e, realmente, não é fácil.