2 de junho de 2004

A minha alma está parva!

Já sei porque estou mal da garganta: é por passar a vida de boca aberta de espanto perante as coisas que vão acontecedo por aqui neste nosso cantinho, cada vez mais cantinho e cada vez menos nosso...
Então é assim:
Domingo, dia 31 de Maio, Zé de Bragança, in Notícias Magazine: « ...O país acaba de ganhar um director geral das Contribuições e Impostos com um ordenado condigno. Ganhará quatro vezes mais do que a ministra de que hierárquicamente depende. Será certamente, um génio que renovará a máquina fiscal. A nossa auto-estima revigorou-se ainda mais. Bem como a vontade de pagar impostos.»

Hoje, no telejornal, nova "pérola" dum nosso governante, o senhor Ministro da Saúde, ao pretender "cortar" as entradas em Medicina às mulheres com a justificação de que a medicina precisa de disponibilidade total, coisa que as mulheres não têm, pois são elas que têm de tratar da casa e dos filhos!!!!!!!
Se eu não estivesse sem pio, juro que gritava!
Tirem-me deste fiiiiiilmeeee!!

2 comentários:

SaltaPocinhas disse...

Ai valha-me buda. Tu desculpa, mas isso das mulheres em medicina é verdade?? n posso crer!!!! Besitos Enviado por Urtiga em junho 3, 2004 11:15 AM

@@ URTIGA: Verdade verdadinha!! Ouvi eu o ministro a dizer ontem no telejornal... Se não tivesse ouvido também não acreditava! Não é nenhuma lei, é a opinião dele, mas com este governo tudo pode acontecer! Enviado por saltapocinhas em junho 3, 2004 01:33 PM

Isto está lindo está :)graça Enviado por graça em junho 3, 2004 03:39 PM

E a ministra ainda veio dizer na Assembleia que a oposição estava demasiado preocupada com coisas tão mesquinhas como o vencimento do tal director-geral... coisa pouca, portanto... Enviado por inkognita em junho 3, 2004 06:39 PM

1º Não sei se o ordenadozito irá chegar para o sr. director viver??? 2º Foi uma pena a mãe do sr. ministro não estar ocupada, podia ser que o exmo. não tivesse nascido... :@ Bjs Enviado por Maria Papoila em junho 3, 2004 07:49 PM

E por falar em ordenados...será que qualquer dia não vamos ter o treinador Mourinho como secretário geral dos impostos????Fica bem. Enviado por atelmalves em junho 3, 2004 11:02 PM

@@ INKOGNITA: Não ouvi isso! coisas mesquinhas? A mulher é doida, só pode!! Enviado por saltapocinhas em junho 3, 2004 11:15 PM

@@ MARIAPAPOILA: Foi pena a parteira não se ter lembrado que tinha deixado a louça por lavar quando ele estava para nascer e deixá-lo lá enrodilhado no cordão umbilical!! Até hoje! Enviado por saltapocinhas em junho 3, 2004 11:21 PM

@@ MARIAPAPOILA: Foi pena a parteira não se ter lembrado que tinha deixado a louça por lavar quando ele estava para nascer e deixá-lo lá enrodilhado no cordão umbilical!! Até hoje! Enviado por saltapocinhas em junho 3, 2004 11:21 PM

Quanto ao director geral... é um artista português e usa pasta medicinal couto... e como homem branco de carapinha preta... só pode usar restaurador olex. Quanto ao ministro da saude... toma bradoral q faz bem à garganta. Enviado por mario em junho 3, 2004 11:21 PM
@@ MARIAPAPOILA: Foi pena a parteira não se ter lembrado que tinha deixado a louça por lavar quando ele estava para nascer e deixá-lo lá enrodilhado no cordão umbilical!! Até hoje! Enviado por saltapocinhas em junho 3, 2004 11:22 PM

MP; É TIPICO DE GOVERNOS "MUITO DIREITOS" E TUDO TEM QUE SE ENQUADRAR EM VELHAS CRENCAS OU IDEOLOGIAS....AFINAL O QUE SERIA DELES SEM ESTAS "BENGALAS PSICOLÓGICAS" ?! EU VOS DIGO :SIMPLESMENTE NAO TERIAM SUBSTRATO PARA EXISTIR....NA VERDADE SAO UNS POBRES COITADOS.... Enviado por SANTOS em junho 3, 2004 11:39 PM

Não é possível que tenhamos um ministro assim tão, tão... (mas temos mesmo...). Primeiro - É uma forma de discriminação que contraria a Constituição da República (Já estou a imaginá-lo a propor uma revisão constitucional para acabar com essas modernices da igualdade...); Segundo - As mulheres sempre foram que cuidou da saúde. As parteiras e as "curiosas", para além das mães, tias, avós e vizinhas são ao longo da história as detentoras do saber médico do povo (aliás os únicos cuidados de saúde a que a maioria da população tinha acesso). Vai dai os homens começaram a controlar a medicina e as mulheres passaram a ser apelidadas de bruxas e lançadas à fogueira; Terceiro - O senhor ministro deve achar que as mulheres devem voltar ao lar para tratar do marido e tomar conta dos filhos mas a verdade mesmo é que apesar das mentes pouco iluminadas as mulheres estão a ocupar cada vez mais lugares nas carreiras cinetíficas e no mundo académico asssim como noutras esferas da vida profissional e social. (Apesar de raramente conseguirem chegar ao topo das carreiras); Quarto - O senhor ministro devia já ter reparado que muitas das mulheres que ele diz que não têm tempo para ser boas profissionais de saúde o são e nas mais variadas áreas são excelentes mães de família; Quinto - Pois é o senhor ministro sabe umas coisas de biologia. As mulheres engravidam e até há umas quantas que resolvem não engravidar (descobriram a "maldita" pílula e o abominável perservativo e outras coisas assim) mas estar grávida e ser mãe não é doença; Para terminar: Será que o senhor ministro se lembra da filha do senhor ex-ministro dos negócios estrangeiros que nem tinha nota para entrar em medicina e que o outro ex-ministro favoreceu oferecendo-lhe o tal lugarzinho... Enviado por Cleópatra em junho 4, 2004 12:16 AM

Anónimo disse...

Excellent, love it!
» » »