8 de novembro de 2004

Hoje Recebi Flores!

Hoje Recebi Flores!
Não é o meu aniversário ou nenhum outro dia especial;
tivemos a nossa primeira discussão ontem à noite e
ele me disse muitas coisas cruéis que me ofenderam de verdade.
Mas sei que está arrependido e não as disse a sério,
porque ele me enviou flores hoje.
Não é o nosso aniversário ou nenhum outro dia especial.

Ontem ele atirou-me contra a parede e começou a asfixiar-me.
Parecia um pesadelo, mas dos pesadelos acordamos e sabemos que não é real.
Hoje acordei cheia de dores e com golpes em todos lados.
Mas eu sei que está arrependido porque ele me enviou flores hoje.
E não é São Valentim ou nenhum outro dia especial.

Ontem à noite bateu-me e ameaçou matar-me.
Nem a maquiagem ou as mangas compridas poderiam ocultar os cortes e golpes que me ocasionou desta vez.
Não pude ir ao emprego hoje porque não queria que se apercebessem.
Mas eu sei que está arrependido porque ele me enviou flores hoje.
E não era dia da mãe ou nenhum outro dia.

Ontem à noite ele voltou a bater-me, mas desta vez foi muito pior.
Se conseguir deixá-lo, o que é vou fazer? Como poderia
eu sozinha manter os meus filhos?
O que acontecerá se faltar o dinheiro? Tenho tanto medo dele!
Mas dependo tanto dele que tenho medo de o deixar.
Mas eu sei que está arrependido, porque ele me enviou flores hoje.

Hoje é um dia muito especial: É o dia do meu funeral.

Ontem finalmente conseguiu matar-me.
Bateu-me até eu morrer.
Se ao menos tivesse tido a coragem e a força para o deixar...
Se tivesse pedido ajuda profissional...

Hoje não teria recebido flores!

(Recebido por mail, da minha amiga São)

12 comentários:

Grilinha disse...

Infelizmente ainda há muitas mulheres a receberem flores com muitos espinhos.

fernanda dias disse...

Ai mulher que me assustaste!! Livra! gaita! Beijo!

PARTILHAS disse...

Chiça mulher.
Arrepiaste-me. Comecei,por sorrir e ....

Sem palavras!

Didas disse...

Um texto poderoso.

Santo Patolas disse...

Mais vale não receber flores nenhumas. mas porque é que a tua amiga escreve coisas assim??

Jorge Gomes da Silva disse...

O assunto é sério e no nosso país assume proporções pandémicas. Fizeste muito bem em reproduzir este texto. Água mole em pedra dura...

MWoman disse...

"Eles" escondem-se sempre atrás de umas flores e de palavras muito envolventes, até deixarem cair a máscara que tentam desesperadamente recolocar para enganar todas as vezes que forem necessárias...E, há sempre alguém que acredita...

Anónimo disse...

ainda estou arrepiada BRRRRR!!!!
Pekala

M.P. disse...

Não concebo o Amor assim! Bem triste a situação desta mulher... :/**

Anónimo disse...

Por isso continuo a dizer: "dá-me flores enquanto estou vivo" . aflores /ailaife blog

AnaP disse...

Gostei deste texto e fez-me pensar em duas coisas: 1) ela devia ter saído dessa relação à primeira crueldade. 2) alguém a devia ter ajudado.
Quem está de fora tem sempre uma solução, tem sempre uma resposta... mas quem vive as situações muitas vezes não consegue sair delas, não pede ajuda, não diz nada e quem por acaso se apercebe delas (situações) muitas vezes ou não faz nada ou, se tenta fazer, é repelido pela vítima. A vergonha e o medo aliam-se para calar a vítima.
Beijinhos***

darkman disse...

wow... strong...

[ashistorias.blogspot.com]