18 de agosto de 2009

O desNorte

Hoje andei pelos arredores do Porto.
Há muito tempo que não andava por aquelas bandas e... não se perdeu nada.
Aquelas terras são todas acavaladas umas nas outras, não sabemos onde começam umas e acabam outras (Valongo, Gondomar, Ermesinde, Rio Tinto...).
O que falta em placas de sinalização das terras, sobra em cartazes políticos.

É uma confusão de trânsito e de prédios. Tantos prédios, não dá para acreditar que deixem construir assim, uns em cima dos outros, sem espaços verdes, sem nada!

É uma pena que se enfeie assim um país!

10 comentários:

Shakti disse...

Para te ser sincera nunca gostei da cidade do Porto, e não tem nada a ver com ser de Lisboa,pois tenho familiares por lá ...mas foi cidade que nunca me fascinou...

bj

A Senhora disse...

Ah... Eu achei tão lindinha quando por aí fui! :)

Bom, está certo que eu venho de um monstro de cidade - São Paulo.

Qualquer cidade portuguesa seria linda! :))

bjs

PS: Mesmo assim, eu amo SP!! :))

ameixa seca disse...

O Porto é uma cidade linda, presumo que não estejas a dalar do Porto cidade, certo? Concordo contigo em termos de placas. Uma vez demorei 2 horas do Porto a Valongo (que é ali ao lado) por falta de indicações e olha que não era eu que ia a conduzir. Infelizmente não é só no Porto... ultimamente só se vê placas de propaganda política no meio das rotundas... nem dá para ver os carros que entram e saem da rotunda!

Didas disse...

O Puorto é munto à freinte!!!

mfc disse...

Sou emigrante no Porto...

entremares disse...

Pois... que diferença para o meu alentejo... entre cada duas povoações encontras sempre o campo ( incluindo vacas, ovelhas, chaparros e antenas de telemóveis ).

E no entanto... a praga da propaganda também cá chegou. Mas como muitas vezes os melhores lugares já estão ocupados com os cartazes das touradas... esticam aquelas faixas entre duas árvores... e quando passamos na estrada, faz lembrar assim uma espécie de santos populares... com bandeiretas...


Ai, ai, ai...

Beijos.
Rolando

aflores disse...

Oube lá... tu estibeste no Puarto, Balongo, Irmesinde, Rio Tinto e...nem me disseste??? :(:( só falta mesmo dizer que passaste à minha porta caragu:)

Nunca mais falo cuntigo :o)

Bais bere...até me vou esquecer de enviar o bilhete postal naquele dia que tu sabes :):)

ihihihihihih

Beijos e abraços do Porto, Rio Tinto e Ermesinde (a minha casa fica no meio)

;)

Bea disse...

Ei nem digas isssssooo. A maior parte dos teus leitores sam do puorto carago! e somos muitos, por isso temos de estar assim uns em cima dos outros...
bjs

Saltapocinhas disse...

Esclarecimentos:
Falei "mal" dos arredores do Porto e não da cidade em si, que é muito bonita.
A Shakti precisa de a conhecer melhor :)

Eu queixei-me apenas da confusão paisagistica, como diz o entremares, o Alentejo é muito mais arrumadinho (e o intrior também, mesmo no Norte)

Como diz a bea, são muitos e "prontos" :) e são bosn e simpáticos e queridos (estou desculpada, Flores?)
Os autarcas é que não devem ser grande coisa...

gaia disse...

concordo plenamente!
recordo-me de andar perdida nesses mesmos arredores. porque queria ir para fanzeres (se não me falha a memória) e à segunda vez que perguntei já tinha passado...