19 de abril de 2004

Finalmente...aulas!!

E pronto!
Para sossego de milhares de pais e mães desesperados, recomeçaram hoje as aulas...
Sempre que há umas férias aparecem na televisão uns senhores das associações de pais muito queixosos porque, ó da guarda, onde é que vou deixar agora os meus rebentos???
Eu sempre estranhei muito isto porque, quando as crianças entram finalmente na escola, já têm pelo menos cinco aninhos de vida.
E eu pergunto: onde deixaram os papás as crianças durante esses cinco ou seis anos??? (Tanto quanto sei a licença de parto ainda não dura tanto tempo!).
Não estou a desvalorizar os problemas que os pais têm actualmente quando trabalham e não têm onde deixar os filhos, só acho que esse problema pode e deve ser resolvido assim que as crianças entram para a escola. Nessa altura as pessoas arranjam alternativas para os dias em que não há aulas que são válidas para toda ou quase toda a escolaridade dos filhos...
Mas, sempre por estas alturas aparecem na televisão uns "seres pensantes" muito queixosos.
Na semana passada, no programa "Prós e Contras" estava um senhor que acho que se chamava Carvalho a propôr que as escolas tivessem actividades de férias para que as crianças lá pudessem ficar.
E eu queria perguntar a esse senhor (pode ser que ele leia o meu blog...) se ele também gostava de passar as férias dele no seu local de trabalho!! E o local de trabalho dele até é bem capaz de ser um local aprazível, com empregadas a servirem o cafezinho e tudo!
Será que ele imagina como são as instalações da maior parte das escolas do 1.º ciclo??
Será que ele sabe que nos dias de chuva as crianças têm um reles telheiro ventoso para lanchar e brincar?
E que há escolas que nem isso têm?
Que não há outras salas para além das salas de aula?
Que não há espaços de lazer além de recreios poeirentos ou lamaçais (dependendo do estado do tempo)?
Que a maior parte do tempo lectivo a escola não tem auxiliar?
Que a maior parte das escolas nem auxiliar tem?
Que... que... que...
Quando esses senhores souberem alguma coisa, então convidem-nos para ir à televisão!
Irra!!

Sem comentários: