9 de julho de 2004

"Em defesa de Santana Lopes"

Um dia destes enquanto esperava pelo meu marido, pus-me a folhear uma revista, que é o que predomina no banco de trás do meu carro para ocasiões assim. Era uma Noticias Magazine de Março.
Não tenho aqui a revista por isso não posso transcrever, mas falava-se da "importância" e arrogância de alguns autarcas, que punham o nome deles em tudo o que faziam desde chafarizes e rotundas até aos campos de futebol.
Um dos exemplos que lá era dado era do Santana Lopes que enquanto autarca da Figueira da Foz baptizou o Centro Cultural como "Centro Cultural Pedro Santana Lopes".
Depois o jornalista dava-lhe uma série de sugestões hilariantes para ele mudar os nomes a algumas zonas de Lisboa.
Como presumo que o jornalista em causa não tem poderes adivinhatórios esta era apenas uma crítica bem disposta a esta saloiice de dar o próprio nome a obras que se fazem com o dinheiro de todos nós...
Para mim uma pessoa que faz isso é parola e com uma vaidade bacoca que não merece o cargo que tem. Se meses mais tarde essa pessoa é dada como quase certa para ser o primeiro ministro do meu país, eu não posso estar de acordo: não gosto deste género de gente...
Quanto ao facto de ele usar lenços na cabeça ou não usar gravata, gostar de discotecas e ter cinco filhos de quatro casamentos é problema dele e eu não tenho nada com isso...
Isto era para ser apenas um comentário ao post da Inconformada, "Em defesa de Santana Lopes" mas ficou grande demais e resolvi pôr aqui.
É apenas e só a minha opinião.
E não queria estar hoje na pele do presidente da República porque não saberia o que fazer!!

1 comentário:

SaltaPocinhas disse...

Ora era exactamente aí que eu queria chegar ! Nos últimos dias o que eu mais tenho ouvido acerca dele são comentários, anedotas e outras que tais acerca das assessoras loiras, dos Conselhos de Ministros na 24 de Julho e outras que tais. Tal como em relação às gravatas, preferiria que ele não fosse comentado por ser "bon-vivant" mas sim analisado enquanto político (que é o importante para se ser Primeiro-Ministro). Quero lá saber se o futuro PM vai à missa ao Domingo ou fica na cama a curtir a noite anterior. Quero sim saber o que é que ele poderá fazer por este país. E vou terminar senão também tenho que fazer outro post :-) Beijinho para ti tb Enviado por inconformada em julho 9, 2004 08:03 AM

É hoje a decisão (tardia?) de Sampaio. E seja o que ele quiser. Eu gostaria de ter um 1º ministro com uma equipa que de facto ajudasse o país em vez de aumentarem as suas contas bancárias. Apenas isso. Já nem me interessa se é de esquerda, direita, centro, de baixo ou de cima. Apenas alguém que faça coisas positivas. :) Enviado por Betty em julho 9, 2004 12:46 PM

Invariavelmente da decisão que ele tomar, o país vai sofrer com isso. Apesar de tudo, os senhores políticos que estavam no poder, estavam a fazer um trabalho e por isso, acredito (ou quero acreditar) que deveriam ter um plano. Confesso que tenho uma certa (mórbida) curiosidade de saber onde isto iria parar. Mas ... é triste ver alguém "abandonar o navio". Ele, como primeiro-ministro deveria se o último a sair. Tenho pena. No caso de haver eleições, não consigo deixar de ter pena dos cor-de-rosa que (certamente ganharão as eleições) terão de pegar num país absolutamente em situação de crise. Antes tinhamos uma crise económica ... depois acrescentámos uma crise social ... e agora temos uma crise política. E depois querem que os portugueses não tenham uma crise de nervos. Pedro-não-percebo-nada-de-política-Andrade Enviado por Pedro em julho 9, 2004 01:04 PM

Na Visão da semana passada vinha um artigo de opinião do Mário Soares a achincalhar por completo tanto um como o outro,se queres que te diga acho que neste momento não há absolutamente ninguém no governo ou na oposição capaz de levar este país a bom porto,ninguém me inspira um mínimo de confiança e isso ás vezes deixa-me um pouco angustiada porque acabo por perceber que sempre foi assim,pouco há-de mudar enquanto não se mudar a classe política deste país,por isso confesso que estou pouco me borrifando para quem vai para lá porque acabam sempre todos a fazer exactamente os mesmos erros dos governos anteriores!Eles são BLARGH:p.(já encontraste o vestido?)beijinhos*** Enviado por pekala em julho 9, 2004 02:15 PM

Sabes, o Santana Lopes até já foi 1º Ministro... no programa "A Cadeira do Poder" que dava na SIC, acho. Hehe... Também acho k ele n deve ser 1º Ministro, muito menos sem eleições. Se for eleito pelo povo... pois muito bem... está no seu direito. Isso de dar o seu nome a obras é horrível mesmo... Com certeza alguém famoso (ou nem tanto), mas que teve alguma relevância na cidade podia emprestar o nome. Neste caso, talvez alguém ligado à cultura. Beijocas. Enviado por Tiago em julho 9, 2004 03:16 PM

@@ BETTY: Penso como tu, da maneira que isto está era precisa muita coragem para mexer em certos "senhores". não vejo ninguém com essa coragem, apenas os partidos que já sabem que não ganham eleições prometem o paraíso... Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 03:19 PM

@@ PEDRO: Xiça lá para ti... que seria se percebesses de política!! Tem cuidado, com a crise que aí anda ainda te convidam para algum cargo! Crise de nervos?? eu estou calmíssima!! Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 03:21 PM

@@ PEKALA: Eu li esse artigo. O problema deste país é mesmo esse: estes são péssimos mas não se vislumbra ninguém "de jeito" para os substituir. E lá vamos nós votar em "mais do mesmo". Chegam, mudam os ministros, os(as) secretários(as), as mesas, as cadeiras, até os quadros das paredes dos gabinetes (isto é verdade!), mudam de carros e depois disto tudo ficam tão cansados que não fazem mais nada!! Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 03:25 PM

@@ TIAGO: Nem me lembrava desse programa, acho que vi uma vez e era horrível. Então está tudo explicado: é daí que o homem se julga com competência para o cargo ;)** Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 03:27 PM

@@ PEKALA, novamente: Já comprei o vestido, ponto final! Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 03:30 PM

Já estou a ficar preocupado!!! Será que se o homem for para 1º ministro os portugueses vão deixar de o ser???? Enviado por atelmalves em julho 9, 2004 07:01 PM
Muda também a rede informática toda incluindo equipamentos,o C.já anda a esfregar as mãos de contente porque se houver eleições antecipadas ele vai ganhar imenso dinheiro à pala das horas extraordinárias para mudar aquilo tudo de TODOS os ministérios!!!São milhões de euros!Porque eles têem medo que quem vier por trás descubra a porcaria que eles andaram a fazer... Enviado por pekala em julho 9, 2004 07:07 PM

vai aqui--->http://www.b-log.net e vê lá se consegues tirar música,eu já tentei mas não sei onde é que hei-de pôr o código na personalização do template,se conseguires diz-me como é,beijinhos*** Enviado por pekala em julho 9, 2004 07:36 PM

...já decidiu, tá decidido. Ficaria tudo na mesma se decidisse ao contrário...porque o raio deste país está dividido a meio em decisões eleitorais...e o poder reparte-se "democráticamente" em alternância...pelos dois maiores partidos. Mais palavras para quê?! Fica bem e inté! Enviado por porquinho da india em julho 9, 2004 10:50 PM

@@ PEKALA: Já sabemos que não vai haver eleições antecipadas, mas o teu C. deve ganhar dinheiro na mesma porque mudam os ministros... Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 11:53 PM

@@ PORQUINHO: Tens toda a razão: ficaria tudo mais ou menos na mesma e ainda se gastava um balúrdio com as eleições. Acho que o Presidente tomou a decisão certa. Com uma vantagem acrescida que não vinha nos planos: o Ferro Rodrigues vai embora!! Enviado por saltapocinhas em julho 9, 2004 11:56 PM

Já tenho música também iupiiiiii!!!!!!!!!!vai lá ouvir a minha rádio:)adorei o teu som,o meu também é o máximo,modéstia à parte!ihihih somos as maiores;))))) Enviado por pekala em julho 10, 2004 01:19 AM

Ora bem... o autarca perante a autarquia, O eleito. O escolhido. Um centro cultural com o nome do autarca? Terá sido iniciativa do jornalista? Na democracia portuguesa tb interessa as quequas q os políticos dão legais ou ilegais? Não interessa q pelo menos sejam íntegros nos problemas q têm q resolver? Como tanta nóia qualquer dia só dizem: biba o bin Enviado por mário em julho 10, 2004 01:22 AM

@@MARIO: Dizes bem! O senhor foi escolhido pelo povo de LISBOA para ser autarca LÁ, não para 1.º ministro do país todo... E quanto ao centro cultural... iniciativa do jornalista? essa não percebi!! E se leres bem o que escrevi eu digo precisamente que as pessoas têm de ser competentes, que o que fazem dentro de casa não me interessa nada. Mas há atitudes que me levam a gostar ou não duma pessoa, e tenho esse direito (por enquanto, pelo menos...) Enviado por saltapocinhas em julho 10, 2004 01:52 AM

Eu só sei que não sei como vai ficar este governo agora,bom fim de semana,graça Enviado por graça em julho 10, 2004 12:56 PM

Olá,gostei do seu blog e seria gratificante receber sua visita no meu.Um abraço e boas vibrações! Enviado por Minerva em julho 10, 2004 10:06 PM

concordo com o seu comentário, além de que fiquei triste qu o presidente que foi para lá com o meu voto (porque era socialista) agora diga que é presidente de todos e que isso lhe dá o direito de virar à direita, dando patrocinio a uma mistura populista que pode ter consequencias gravosas...acho que o presidente deu efectivamente um pontapé na esquerda e no 25 de abril... PS: tenho dois blogs, gostaria de a ver por lá http://maresias8.blogspot.com/ e www.educarparasaude.blogs.sapo.pt Enviado por miguel sousa em julho 11, 2004 01:02 AM

@@ MINERVA: Bem vinda!Ainda bem que gostaste, volta sempre! Enviado por saltapocinhas em julho 12, 2004 11:55 PM

@@ MIGUEL: Também votei no Sampaio e não me sinto traída... Obrigada pela tua visita, volta sempre...)** Enviado por saltapocinhas em julho 12, 2004 11:57 PM