7 de maio de 2010

Provas de aferição

Mais uma vez, as provas de aferição.
Mais uma vez se verifica que quem as faz está a anos-luz de saber como são as vivências de uma grande maioria das nossas crianças...

(Claro que a culpa não é das provas, é das crianças)

Um texto cheio de palavras difíceis e pouco usadas pelas crianças (pelo menos pelas que eu conheço), numa prova onde não é permitido usar um dicionário!

E na minha opinião, um texto pouco adequado a esta faixa etária. É um texto de José Jorge Letria, de um livro que eu não conhecia - "Quando o homem beijou a Lua" - e que nem sequer faz parte dos livros recomendados no PNL.

Mas pronto... afinal a prova nem conta para nada, não vale a pena preocuparmo-nos com o assunto.

10 comentários:

Gio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gio disse...

Sinto algum desalento nessas linhas.
Apesar de que já deveríamos de estar habituados à incompetência crónica no nosso país, há sempre algo que nos consiga surpreender pela negativa. :(
abraço

José António disse...

O maior problema da prova é a extensão do texto. Perante uma situação de prova as crianças tendem a querer apropriar-se do sentido do global do texto com a maior rapidez possível e, para um texto dessa extensão, só uma velocidade de leitura acima da média permite ganhar essa segurança.

Olga disse...

Para eles conta, eles não querem deixar as professores deles mal vistas. Curioso, não é?

Saltapocinhas disse...

gio:
não se trata de desalento, é apenas constatar um facto.
as provas não eram difíceis, os meus alunos é que são crianças com poucas vivências que tiveram dificuldade em entender o enooorme texto (como salienta, e bem, o josé antónio).

Saltapocinhas disse...

Olga: as crianças são umas queridas, eu sei que o que dizes é verdade!

Há.dias.assim disse...

mais uma das incoerências deste país.
Enfim!
Coragem para quem tem que lidar com isto diariamente.

Anónimo disse...

Não tem nada a ver com o post mas como sei que a Salta-Pocinhas é de Aveiro e o clube da terra (Beira-Mar) subiu à primeira liga de futebol queria dar os parabéns pelo campeonato da II Liga. :)
Johnny

Shakti disse...

Nem mais...assino por baixo este post...


bj

xunandinha disse...

Realmente o texto embora fácil não é muito próprio para as nossas crianças, no entanto temos que dar o braço a torcer algo começa a mudar pelo menos na minha EB1, com a abertura da biblioteca que modéstia à parte tem um funcionamento 5* as nossas crianças todas as semanas requisitam livros. Nem tudo é preto nem tão negativo como a amiga do Há Dias Assim...
Infelizmente os tempos mudam e os pensamentos também ,mas não podemos ter educadores tão negativos.
As crianças são o futuro e são maravilhosa é preciso ajudá-las quando não têm familias para isso.
Beijinhos