14 de abril de 2009

Afinal esta avaliação dos professores é importante!...

... pelo menos para uma pessoa!


"é atribuido ao presidente do Conselho Científico para a Avaliação de Professores, Prof. Doutor José Alexandre da Silva Rocha Ventura Silva, um subsídio mensal de residência no montante de € 941,25, a suportar pelo orçamento da Secretaria Geral do ministério da Educação (...)"

Indignação já nem é a palavra certa, já a devo ter esgotado, soa-me a pouco!

Como pode uma pessoa receber de subsídio mais do que a grande maioria dos portugueses recebe de ordenado?
Ou antes: mais do que alguns casais recebem em conjunto para se sustentarem e às suas famílias?

O senhor em questão tem direito ao subsídio porque não vive em Lisboa.
E eu só pergunto: quantos professores são desterrados das suas terras sem ganharem mais nada por isso?
Anos e anos a fio com casa e filhos às costas?

Entretanto, vamos ficar este ano com mais cerca de 500 autarcas (que já eram demasiados!) e que vão custar mais uns milhões...
Parece-vos um país em crise?

9 comentários:

ameixa seca disse...

É um país em crise para as pessoas honestas. Para os outros é quase um paraíso fiscal :)
Este governo merece um chumbo daqueles valentes!

Saltapocinhas disse...

da minha parte vai tê-lo!!
ó se vai!

PreDatado disse...

Não admira que estejamos na pior crise desde 1975. E uma renda de casa de 900 e tal euros é casinha de luxo ou não?

Shakti disse...

Sabes o que me custa mais ? É que depois de tudo o que têm feito , eles devem ficar lá no poleiro novamente...é incrível...por vezes mesmo surreal...

bj

Tina disse...

Olá...Espero que a tua Páscoa tenha sido boa!!!! Bem, quanto ao teor do teu post, sinceramente, não temos adjectivos suficientes para atribuirmos a essa "CAMBADA" de ladrões, oportunistas, lambe-botas, enfim, qualquer coisa como "COMEDORES", "GATUNOS"...um sem número de nomes feios que merecem receber. Afinal, se estamos a atravessar uma situação de crise, eles também mereciam sentir na "pele" o que todos sentem...mas é o país que temos !!!!! E, me parece que se aproveitam da "porcaria" da situação, para se "chafurdarem", procurando desse modo aumentarem as suas contas bancárias, em detrimento dos restantes, que trabalham com dignidade. Mas, quando será que isto vai acabar????? Será que ainda não nasceu alguém, digno, honesto, com "t......", capaz de levantar o país e tentar repor tudo nos seus devidos lugares???? Peço desculpa, pelo palavrão, que não foi escrito, mas subentendido, nas entrelinhas...Beijinhos

aflores disse...

Não consigo comentar...simplesmente tenho uma vontade enorme de dizer um palavrão daqueles...cabeludos :(

Castanha Pilada disse...

Não estás um bocado baralhada no número de autarquias?

Saltapocinhas disse...

@@ castanha:
não me refiro a autarquias, mas a autarcas: vai haver mais uma data de vereadores e outros cargos assim importantes!

Castanha Pilada disse...

Pois. São muito mais que 500. Então vê:
308 municípios - mesmo que cada um tivesse só três gajos no executivo já eram quase mil.
4259 freguesias = 4259 presidentes da junta!
Tudo contas por baixo...