14 de novembro de 2009

Estou triste!

É que eu pensava que era essencial e, pelos vistos, não sou..
Não vai haver vacina para mim porque não faço falta nenhuma!

Já agora, quem faz mais falta: eu ou o Sócrates?
Eu ou a ministra da Saúde?
Eu ou os deputados?

Experimentem perguntar aos meus alunos que eles respondem logo que sou eu!
(ia dizer "experimentem perguntar ao meu marido", mas é melhor não arriscar!)

6 comentários:

Shakti disse...

Pelo menos pelos alunos estávamos mais que vacinadas...nem vale a pena comentar...

bj

A Senhora disse...

Poxa, e eu logo vim aqui saber por que estava triste! Sinal que faz falta, sim. ;)

beijos

Castanha Pilada disse...

Não és só tu. Pelos vistos eu também não faço falta nenhuma. De qualquer modo, eu acho que arriscaria mandar perguntar ao meu marido se prefere o Sócrates ou a mim, lol!

maria mar disse...

Já me tinha questionado porque é que os profs nao sao considerados grupo de risco mas...é a lei do mercado de trabalho (só pode!), mais oferta que procura.
Claro que para os alunos funcionam os afectos e...ainda bem!...

Angel disse...

Mas querias ser vacinada? Eu acho q se houvesse vacina p mim, até q passava...

ameixa seca disse...

:)
É uma estratégia do Governo para dar cabo dos professores de uma vez por todas he he