20 de junho de 2006

Já faltou mais...

... para termos atestados médicos assim em bom português!
Afinal, da maneira que os exames do 12º ano de português são exigentes, sobretudo para quem vai seguir ciências...

Mas o que achei mais deprimente foi ver os estudantes a gabarem-se de não ter lido as obras, mas sim os resumos "prontos a usar" que agora se fazem!
Gostava de poder desafiar alguns deles a resolver a ficha de português dos meus alunos!



(clicar para aumentar)

Recebido por mail da Zona Franca

10 comentários:

CMatos disse...

Isto nã tem nada a ver com o assunto, mas por acaso não tentei lamber o cotovelo não senhor (pelo menos agora) porque já sabia.

Um destes dias houvi que os profissionais mais corruptos são aqueles que na escola eram mais "cábulas", e talvez tenham razão!

Beijinhos

afigaro disse...

Que mau feitio!

PN disse...

Olha, a propósito do exame, a minha afilhada ficou muito indignada porque concluiu que para resolver aquilo não era preciso estudar nada. Não há nada como premiar quem é cábula, para termos números muito bonitos para apresentar à União Europeia. Afinal, o que interessa é o resultado, não saber se os alunos sabem alguma coisa.

Emiéle disse...

Mas exactamente o que é um Quimbandeiro? Talvez esteja aí o segredo deste estranho atestado.

mitro disse...

preciso de um atestado desses (a dizer que sou meio maluco ou maluco inteiro)!

baunilha disse...

...tb gostei especialmente do meio-maluco!!

jorgesteves disse...

Absolutamente deplorável!...
(embora a culpa não seja tão linear assim...)

amizade,
jorgesteves

Abelhinha disse...

ainda bem q estou quase de férias senão também precisava desse dagnóstico

SaltaPocinhas disse...

eu ainda não estou de férias e já esou com esse diagnóstico... não sei se as férias começarão a tempo que isto está mesmo muito mal!
Emiele não sei o que a palavra quer dizer, mas nas páginas amarelas não exite senão já tinha procurado um!!

jorgesteves disse...

'quimbandeiro' é uma espécie de feiticeiro, de gurú, de guia espirutal de uma aldeia ou sanzala no caso angolano; 'quimbanda' é, por excelência, o médico da aldeia; a palavra deriva de 'kimbanda' que, a partir do dialecto quimbundo, tem origem em adivinhar, desvendar...

amizade,
jorgesteves