Sobre o mesmo assunto, retirado da Crónica da Rosarinho:

«Grande burburinho causou também aquele vídeo com uma murcona histérica a chorar baba e ranho pela merda do telemóvel que a profe lhe queria tirar.
Cá por mim, e logo à cabeça, faço votos para que, se um dia a pílula me falhar, nunca me saia na rifa um estafermo daqueles, porque pior que parir deve ser parir uma coisa daquelas e ainda ter que levar com ela toda a vida.

À parte isso, apenas mais dois pequenos reparos: Os partidos da oposição, como era de esperar, começaram logo a aproveitar-se da cena para acusar o governo disto e daquilo, como se o dador de esperma tivesse sido o Sócrates, o que não me parece, mas isso já não espanta nada.
O que me espanta é que vão sempre pedir a opinião ao Paulo Portas e não me pedem a mim, já que eu estou convencida que, apesar de tudo, tenho mais “sócios” do que ele.

Outra coisa que me espanta é que, com a cultura da inutilidade total que vivemos hoje em dia, a pita maluca ainda não tenha sido convidada para gravar um disco, apresentar um programa na sic radical ou dar opiniões no telejornal.
Não deve faltar muito.»

in "Crónica da Rosarinho"

Comentários

Rosarinho disse…
Ali o do Crespo é que se vê bem que é dum gajo pitosga. Adiante.
Olá Saltapocinhas :)
Obrigada pela visita lá ao meu cantinho, ainda bem que gostou da receita. Se fizer, diga-me o que achou :)

Gostei aqui do seu blog, muito original.

Beijinhos
mixtu disse…
convidei a pita para escrever no meu blog
yayya

abrazo serrano

Mensagens populares deste blogue

O vagalume e o sapo

O respeito

Fábula moderna