Curiosidade curiosa!

A bitola dos caminhos de ferro (distância entre os 2 trilhos) dos Estados Unidos é de 4 pés e 8,5 polegadas.

Porque foi usado este número?
Porque era esta a bitola dos caminhos de ferro ingleses e, como os caminhos de ferro americanos foram construídos pelos ingleses, esta medida foi a usada .

Porque é que os ingleses usavam esta medida?
Porque as empresas inglesas que construíam os vagões eram as mesmas que
construíam as carroças antes dos caminhos de ferro e utilizaram as mesmas bitolas das carroças.

Porque era usada a medida (4 pés e 8,5 polegadas) para as carroças?
Porque a distância entre as rodas das carroças deveria caber nas estradas antigas da Europa que tinham esta medida.

E por que tinham as estradas esta medida?
Porque estas estradas foram abertas pelo antigo império romano aquando das suas conquistas, e estas medidas eram baseadas nos carros romanos puxados por 2 cavalos.

E porque é que as medidas dos carros romanos foram definidas assim?
Porque foram feitas para acomodar 2 traseiros de cavalo!

Finalmente...

O vaivem espacial americano, o Space Shuttle, utiliza 2 tanques de combustível (SRB - Solid Rocket Booster) que são fabricados pela Thiokol no Utah.
Os engenheiros que projectaram estes tanques queriam fazê-lo mais largos, porém, tinham a limitação dos túneis ferroviários por onde eles seriam transportados, que tinham as suas medidas baseadas na bitola da linha, que estava limitada ao tamanho das carroças inglesas que tinham a largura das estradas europeias da época do império Romano, que tinham a largura do traseiro de 2 cavalos.

Conclusão:

O exemplo mais avançado da engenharia mundial em design e tecnologia é baseado no tamanho do traseiro do cavalo romano!

(recebido por e-mail)

Comentários

josé palmeiro disse…
Que bom iniciarmos um fim de semana a ler o teu escrito!
Fizeste bem, é didático, lúdico e muito bem esgalhado.
Um belíssimo fim de semana para ti e um aceno especial, pelo que me deixaste na "sesta".
CMatos disse…
hehehe, já há um tempo que não vinha aqui, mas valeu a pena a visita.
Beijinhos e bons rabos de cavalo, ou fim de semana. :)
Emiéle disse…
Ehehehehe!! Mesmo que seja inventado tudo isso, é muita bem imaginado!!!
Faço minhas as palavras do Zé Palmeiro, sabe bem começar [não direi o fim-de-semana, que já começou, mas] a tarde com um escrito tão bem humorado.
Paula disse…
E vivam os traseiros dos cavalos romanos na conquista do espaço!!!!!
Mafaldina disse…
tem a sua lógica, o passado e o futuro têm sp que ter uma ligação

;-)
Al Mutamid disse…
Olá senhora de muita treta.
Interessante curiosidade.
estamos sempre a aprender
guevara disse…
lembro-me de estudar isto!
f..lo!W disse…
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse…
Não sei se já leu o Zahir de paulo Coelho. Ele utiliza esta curiosidade curiosa para nos ensinar algo...
SaltaPocinhas disse…
Anonimo: Não li esse livro. Aliás, nunca li nenhum livro desse autor. Tenho de colmatar essa falha :(
Anónimo disse…
Here are some links that I believe will be interested
Anónimo disse…
I like it! Good job. Go on.
»

Mensagens populares deste blogue

O vagalume e o sapo

O respeito

Fábula moderna