5 de janeiro de 2008

Manuais escolares


Maria Regina Rocha conclui que a maioria dos manuais de língua portuguesa do 4º ano não contribui para que os alunos compreendam o que lêem. E aponta a falta de qualidade dos manuais escolares como uma das principais razões para os baixos índices portugueses de competências na leitura.
(...)
Dos 12 manuais analisados, apenas 4 incluem textos de Aquilino Ribeiro, apenas 3 apresentam poemas de Fernando Pessoa, só dois têm contos de Miguel Torga - um dos escritores que a autora gostaria de ver entre os autores recomendados aos editores de manuais.

Finalmente um estudo da Unviversidade de Coimbra vem ao encontro daquilo que eu ando a dizer há séculos: a maioria dos manuais de Língua Portuguesa não prestam para nada, os autores são poucos e sempre os mesmos...
(foi-me dito que isto acontece porque as editoras querem poupar nos direitos de autor e eu acredito, basta ver a quantidade de livros cujos textos são apenas os dos próprios autores dos maunais!!!)

Como agora é uma professora importante a queixar-se pode ser que alguém a ouça.
Deus queira!!

7 comentários:

Didas disse...

Não estou mesmo a ver em que é que Aquilino Podia ajudar um puto do 4.º ano. Mas ela deve saber.

Emiele disse...

Depende, Didas. «O Romance da Raposa» onde se deve ter inspirado aqui a nossa Saltapocinhas para o seu nick é perfeitamente acessível para além de bem escrito.
Mas os outros exemplos que ela dá, afinal ainda aparecem menos, e são de autores mais acessíveis.

SaltaPocinhas disse...

pois didas a emiele disse o que te ia dizer...
posso dizer-te que li o romance da raposa aos golfinhos quandp eles andavam no 2.º ano e eles adoraram!

quanto aos outros autores, consigo sempre arranjar textos deles para serem dados na aula (as crianças adoram o "poema para lili" do fernando pessoa que não achas em nenhum manual...
E também costumam gostar dos sonetos de camóes que nunca vi em nenhum manual!

josé palmeiro disse...

Raposinha, venho aqui para te desejar e aos teus Golfinhos um bom ano de 2008 e que leiam muito Aquilino e outros autores portugueses.
Aproveito para sugerir à Didas que leia, para além do Romance da Raposa" já referido pela Emiéle e por ti, "O Livro da Marianinha", poesia para a infância, escrito por Aquilino Ribeiro, quando lhe nasceu a primeira neta, de nome "Mariana". De resto, é como dizes, em qualquer autor há sempre possibilidades de se arranjar, trechos que se apliquem às idades educandas.

bell disse...

Tive a sorte de ter manuais, no 1º ciclo, deliciosos. Ainda há dias peguei num, as folhas já desfeitas de tanto o ter lido e relido, e recordei aqueles textos que me encantaram, todos de autores consagrados. Os manuais actuais perderam essa magia, os textos foram empobrecidos por adaptações, já tinha reparado que retiraram a indicação do autor, parecem-me tão desenxabidos comparados com aqueles que tive.

SaltaPocinhas disse...

e tens razão bell.
eu também guardo alguns manuais que comprei quando comecei a trabalhar que têm textos que ainda hoje utilizo!

obrigada zé.
esse livro eu não tenho e nem nunca li :(
quanto aos golfinhos, já não estão comigo: nadaram para outras paragens!

Didas disse...

É que eu tenho uma costela anti-aquilino. Pronto.