24 de maio de 2006

Aos meus amigos advogados...

Encontram-se dois amigos e um diz ao outro:
"Separei-me da minha mulher."
"Não me digas... E como fizeram?"
"Com um advogado. Ele ajudou-nos a fazer a repartição dos bens."
"E os teus filhos?"
"Muito fácil... Decidimos que quem ficasse com mais dinheiro ficava também com as crianças."
"E quem foi?"
"O advogado..."

8 comentários:

Hindy disse...

Boa! Eh, eh, eh! :)

Beijinhos

Abelhinha disse...

Lindo

IsaMar disse...

Essa está boa...

fica bem

O Micróbio II disse...

Obviamente... :-)

Emiéle disse...

Vês o que eu disse no post debaixo...?
Obviamente que aqui não comentou nenhum advogado!!!
:)))
Eu também não sou! Também achei graça, tá visto!!!

Didas disse...

E qual é a diferença entre um advogado e uma cobra?
É que um é um bicho repugnante... e o outro é um réptil.

aflores disse...

Que terão dito os teus amigos advogados, depois de ler este teu post? Sem dúvida que uma bicicleta nova para os teus passeios domingueiros, não vão dar não! Os Advogados são como as Companhias de Seguro...é bom que nunca precises deles(as). Beijinhos deste teu fã Tripeiro :))))))))))))

SaltaPocinhas disse...

Os advogados não se manifestaram, o que só prova que a minha teoria e a da Emiéle está certa: pimenta no c* dos outros é refresco!!